Livro: AntiDesperdício Consciencial – Escolhas Evolutivas na Era da Fartura

DO QUE TRATA O LIVRO

Vivemos um paradoxo: nossa época é repleta de oportunidades (fartura) e ao mesmo tempo de desperdícios. Países onde tudo sobra e países onde tudo falta. Fartura de produção, diferenças sociais. A idéia não é nova. Vários pesquisadores já abordaram o tema sob os mais diversos ângulos.

O livro “AntiDisperdício Consciencial” inova ao abordar esse paradoxo “fartura-desperdício” sob o ponto de vista evolutivo, do desenvolvimento pessoal.

O livro, defende a idéia e apresenta técnicas para não desperdiçarmos as tantas oportunidades da vida. Principalmente para evitarmos o desperdício de nós mesmos.

É um livro técnico, essencialmente mental. Repleto de temas para auto-diagnóstico, reflexão.

Apesar de ter vindo ao mundo pela Editares (editora da Conscienciologia), você não vai encontrar nesse livro aprofundamento sobre energias, egrégora, pós-morte, mediunidade, parapsiquismo.

COMO ESTÁ ORGANIZADO

“Antidesperdício Consciencial” está organizado em 3 seções:

Seção 1 – Era da fartura.

O excesso de informação e estímulos levam a desorientação, ansiedade generalizada, hiper-estimulação cognitiva. É também a era da incerteza, do hiper-individualismo e do vazio existencial.

Essa fartura pode representar oportunidade ou um risco, vai depender da lucidez e autodiscernimento da consciência. Importante escolher o essencial, abrir mão do supérfluo, priorizar o bem de todos.

Nessa primeira seção há um capítulo interessantíssimo que fala sobre os aportes evolutivos: aporte de liberdade, aporte descrenciológico, aporte intermissivo, aporte reeducador e o aporte autoral. Não vou entrar no detalhe de cada um, mas vale atenção para o fato que muitos de nós temos inúmeros aportes e não valorizamos e ficam ociosos.

Mais adiante, ainda no início do livro, a autora nos faz um alerta:

A ansiedade é acalmada com a falsa sensação de a consciência “estar fazendo muito”, porém talvez não o essencial.

Para não cair nessa “cilada” é importante desenvolver o senso de “utilidade evolutiva”, conceito apresentado e debulhado no capítulo 5.

Nessa primeira seção, a técnica de destaque é a Técnica da Desambição: desambição carreirística e sucesso evolutivo.

Seção 2 – Era do desperdício.

Vivemos a era do desperdício de talentos, a era da covardia evolutiva, da superficialidade, da robotização existencial, da dispersão de tarefas e esforços, da auto-sabotagem e auto-banalização. Desperdício de tempo e dinheiro. Tudo isso é listado, enumerado, preto no branco para pensarmos e questionarmos como estamos e onde podemos melhorar.

“O modo pelo qual uma pessoa aplica seu tempo e dinheiro é forte indicador do que realmente é prioritário em sua existência”

Outros conceitos abordados nessa seção:

  • Síndrome do Auto-Desperdício
  • Marasmo e Vazio Existencial
  • Capacidade Ociosa do propósito de vida
  • Libertação da sedução secular: sexo-poder-dinheiro
  • Disperção consciencial

Seção 3 – O anti-desperdício

Veja que interessante… Em suas pesquisas a autora se deparou com o seguinte paradoxo:
“Muitas foram as pessoas observadas que tiveram o rótulo de desperdiçadas. Todas tinham algo em comum: eram as mais inteligentes em seus grupos. Paradoxalmente, as mais capacitadas, habilitadas, competentes, criativas e produtivas foram identificadas na condição de autoperdulárias. Estavam retribuindo ao mundo muito menos do que poderiam.

(…) Possuir habilidades, competências, inteligências específicas e não aplicar tais recursos pessoais, nem a seu favor, e muito menos a favor de outros, caracteriza a consciência ignorante crassa.

(…) Nem todo quociente de inteligência elevado é acompanhado pela maturidade consciencial e lucidez quanto às escolhas evolutivas essenciais.”

Em outras palavras, a zona de conforto inclusive mental, a “produtividade”, aliados a uma falsa sensação de estar sempre atarefado pode ser um belo de um acostamento evolutivo.

Nessa seção somos apresentados a “Técnica do dia evolutivamente útil”.

Recomendo o livro a todos.
Quero terminar esse post com uma frase enfática da autora:

“A sua existência está estagnada se você no último ano, não mudou para melhor, pelo menos, 5 opiniões pessoais quanto à vida e à evolução consciencial.”


Referências externas:

No Google Books você consegue dar uma folheada por algumas páginas:
https://books.google.com.br/books?id=cUOWDwAAQBAJ&printsec=frontcover&hl=pt-BR#v=onepage&q&f=false


O link abaixo leva a uma entrevista com a autora. Mas você só vai encontrar aí a idéia geral. As idéias mais relevantes, os questionamentos, o detalhamento das técnicas que é o “como” só mesmo no livro.
https://www.facebook.com/iipcpoa/videos/1937410719667920/


Antidesperdício Consciencial – Escolhas evolutivas na era da fartura
211 páginas
ANO: 1ª edição 2017 (tiragem com 1 mil exemplares)
Editora: Editares ( https://www.editares.org.br/ )
Autora: Eliana Manfroi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s